A ação principal do sulfato de glucosamina se faz sobre a cartilagem que reveste as articulações retardando o processo degenerativo, reduzindo dessa f... Continuar lendo

Categoria Antireumáticos

Administração
Uso Oral
Controlado
Não
Indicação
A ação principal do sulfato de glucosamina se faz sobre a cartilagem que reveste as articulações retardando o processo degenerativo, reduzindo dessa forma a dor e a limitação dos movimentos comuns a enfermidades que acometem a cartilagem.
O uso de sulfato de glucosamina é indicado no tratamento de artrose ou osteoartrite primária e secundária e suas manifestações.

Posologia
O sulfato de glucosamina é ingerido por uso oral na dosagem de 1,5g/dia. Esta dosagem pode ser consumida na forma de pós misturado a um líquido ou em cápsulas de 500mg 3x/dia.
Restrições
Uso adulto
Interações Medicamentosas
A administração oral de sulfato de glucosamina pode favorecer a absorção gastrintestinal de tetraciclinas e reduzir a de penicilina e cloranfenicol. Não existe limitação para administração simultânea de analgésicos ou antiinflamatórios esteróides e não esteróides
Reações Adversas
Os efeitos colaterais mais comuns são de origem gastrintestinal, de intensidade leve a moderada, consistindo em desconforto gástrico, diarréia, náusea, prurido e cefaléia. Reações hematológicas: não foram observadas alterações clínicas significativas durante os estudos. Testes laboratoriais: não se observaram diferenças significativas nos valores médios nem nos dados individuais das provas laboratoriais e constantes vitais.
Contraindicação
Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou cirurgião-dentista.
Tipo de Receita
Receita Simples (branca, 1 via)
Sugestão de fórmula manipulada
Cápsulas; Pó; Sachê

Bibliografia
Observações
Foto de Leticia Saifert Picoli
Leticia Saifert Picoli
CRF: 21337
Farmacêutica, e Mestranda em Ciências Farmacêuticas - CRF/PR: 21337. Atuou como consultora na Manipulaê para monitorar e revisar a criação de conteúdo técnico. Farmacêutica Industrial, especialista em Farmacologia Clínica, MBA em Gestão Estratégia Farmacêutica pela FIA. Atuante nas áreas de Gestão de Produto, Marketing Institucional e Novos Negócios.