O Cilostazol está indicado para tratar doença vascular periférica, redução do sintoma da claudicação intermitente * e prevenção da recorrência de acid... Continuar lendo

Categoria Inibidor seletivo

Administração
Uso da oral
Controlado
Não informado
Indicação
O Cilostazol está indicado para tratar doença vascular periférica, redução do sintoma da claudicação intermitente * e prevenção da recorrência de acidente vascular cerebral. Atua tratando os problemas de circulação nos quais ocorre diminuição do fluxo de sangue para os músculos da perna, auxiliando as caminhadas de maiores distâncias com menos dor. *Claudicação intermitente é a sensação de cãibra ou dores musculares nas pernas, que se tornam presentes durante caminhada ou exercícios físicos e ocorre como suprimento de oxigênio diminuído.
Posologia
A dose recomendada de cilostazol para tratar os sintomas da claudicação intermitente é de 100mg, duas vezes ao dia (30 minutos antes ou duas horas após as refeições). A resposta terapêutica pode ocorrer em duas a quatro semanas, em alguns casos pode requerer doze semanas. Quando houver coadministração de um inibidor do citocromo CYP3A4 (ex: cetoconazol, itraconazol, eritromicina e diltiazem) ou do CYP2C19 (ex: omeprazol), a dose deverá ser reduzida pela metade (50mg, duas vezes ao dia)
Restrições
Muitos dos inibidores da fosfodiesterase III estão relacionados com diminuição na sobrevida, quando comparados ao placebo, em pacientes com insuficiência cardíaca de classes III e IV, por isso, o cilostazol está contraindicado em pacientes com qualquer grau de insuficiência cardíaca, predisposição a sangramentos (ex: úlcera péptica ativa, AVC hemorrágico nos 6 meses anteriores, cirurgia nos 3 meses anteriores, retinopatia diabética proliferativa, hipertensão não controlada), história de taquicardia ventricular, fibrilação ventricular e fibrilação ventricular ectópica multifocal, prolongamento do intervalo QT, disfunção hepática moderada ou grave, disfunção renal, gravidez e lactação. Também está contra-indicado nos pacientes com hipersensibilidade ao cilostazol ou a qualquer dos excipientes do produto.
Interações Medicamentosas
Não informado
Reações Adversas
Não informado
Contraindicação
-
Tipo de Receita
Não informado
Sugestão de fórmula manipulada

Bibliografia
Observações
Foto de Leticia Saifert Picoli
Leticia Saifert Picoli
CRF: 21337
Farmacêutica, e Mestranda em Ciências Farmacêuticas - CRF/PR: 21337. Atuou como consultora na Manipulaê para monitorar e revisar a criação de conteúdo técnico. Farmacêutica Industrial, especialista em Farmacologia Clínica, MBA em Gestão Estratégia Farmacêutica pela FIA. Atuante nas áreas de Gestão de Produto, Marketing Institucional e Novos Negócios.