Bifidobacterium Bifidum

HOME < Princípios ativos de A a Z

- Nos casos de enterocolite;
- Nos casos de constipação;
- Como coadjuvante nos casos de cirrose hepática;
- Desequilíbrio da flora intestina... Continuar lendo

Categoria Probiótico

Administração
Uso Oral
Controlado
-
Indicação
- Nos casos de enterocolite;
- Nos casos de constipação;
- Como coadjuvante nos casos de cirrose hepática;
- Desequilíbrio da flora intestinal após terapia com antibióticos;
- Na promoção dos movimentos peristálticos intestinais;
- Na prevenção de alergias.
Posologia
A dose usual é de 250 a 750 mg (2,5 a 7,5 bilhões de UFC) ao dia em doses fracionadas de 250 mg.
Restrições
-
Interações Medicamentosas
-
Reações Adversas
Não constam casos conhecidos de interações ou questões de segurança em associação com o uso de Bifidobacterium bifidum nas dosagens normais, porém, deve ser usada cautela nos casos severos de problemas hepáticos ou renais.
Contraindicação
-
Tipo de Receita
-
Sugestão de fórmula manipulada

Observações
Foto de Leticia Saifert Picoli
Leticia Saifert Picoli
CRF: 21337
Farmacêutica, e Mestranda em Ciências Farmacêuticas - CRF/PR: 21337. Atuou como consultora na Manipulaê para monitorar e revisar a criação de conteúdo técnico. Farmacêutica Industrial, especialista em Farmacologia Clínica, MBA em Gestão Estratégia Farmacêutica pela FIA. Atuante nas áreas de Gestão de Produto, Marketing Institucional e Novos Negócios.