Alcaçuz Extrato Seco

HOME < Princípios ativos de A a Z

O Alcaçuz Extrato Seco é indicado nas afecções gastrintestinais e respiratórias, tais como gastrite, úlceras gastrintestinais, refluxo gastroesofágico... Continuar lendo

Categoria Fitoterapêutico

Administração
Uso Oral
Controlado
-
Indicação
O Alcaçuz Extrato Seco é indicado nas afecções gastrintestinais e respiratórias, tais como gastrite, úlceras gastrintestinais, refluxo gastroesofágico, espasmos gastrintestinais e prisão ventre; tosse, bronquite e asma. Tem excelente potencial expectorante. O Alcaçuz possui em sua composição muitas fibras e propriedades laxativas, portanto tem sido utilizado como coadjuvante no emagrecimento. Age também sobre o sistema nervoso central, sendo benéfico no mecanismo da ansiedade. Estudos in vitro demonstraram inibir a enzima onoaminooxidase, sendo útil na depressão. Outro dos mecanismos de ação do Alcaçuz indica a diminuição dos índices de testosterona, por isso tem ação hormonal no tratamento da síndrome do ovário policístico.
Posologia
O Alcaçuz Extrato Seco é usado nas doses de 0,2 à 1,0g ao dia.
Restrições
-
Interações Medicamentosas
-
Reações Adversas
-
Contraindicação
O Alcaçuz é considerado de baixa toxicidade, porém deve ser usado com cautela por pacientes com histórico de hipertensão arterial e diabetes. Devido à sua atividade hormonal, o Extrato Seco de Alcaçuz pode causar quadros de amenorreia.
Tipo de Receita
-
Sugestão de fórmula manipulada

Bibliografia
Observações
Foto de Leticia Saifert Picoli
Leticia Saifert Picoli
CRF: 21337
Farmacêutica, e Mestranda em Ciências Farmacêuticas - CRF/PR: 21337. Atuou como consultora na Manipulaê para monitorar e revisar a criação de conteúdo técnico. Farmacêutica Industrial, especialista em Farmacologia Clínica, MBA em Gestão Estratégia Farmacêutica pela FIA. Atuante nas áreas de Gestão de Produto, Marketing Institucional e Novos Negócios.